BeholderCast 43 – Fantasmas

Bem-vindos corajosos aventureiros, hoje bardo e taverneiro recebem aqui na taverna Alexandre Taka, um ouvinte muito interessado em fantasmas e histórias macabras. Justamente para  falar dos espíritos que assombram casas e nossas mesas, aqueles que só podem ser feridos com magias e armas encantadas.

Escute por sua conta e risco, seja corajoso e apague a luz antes de ligar o cast e tome as devidas precauções:  não vá escovar os dentes após ouvir o cast, caso ouça um barulho vindo da cozinha, deixe pra lá!  Em hipótese alguma diga: eu já volto! E caso você acorde e não consiga se mexer, apenas reze para o maluco da motosserra não te encontrar!

Não  deixe de curtir e compartilhar o cast com todos os seus amigos e inimigos!

Peça sua camiseta oficial da taverna,  ajude-nos a crescer, e finamente escute o cast até o final, temos uma mensagem muito importante para você!

3 Replies to “BeholderCast 43 – Fantasmas”

  1. Salve taverneiro, me chamo Carlot e sou um xamã humano elemental do fogo, quando incorporo meu elemental na minha capa e ataco com ela ganho um bônus de 5d6 de dano.

    Estou de passagem pela cidade a procura de uma boa aventura, ouvi algumas histórias (42 casts até o momento kkkkk) que aqui além de um ótimo porco e uma bela de uma cerveja gelada existe um bardo que conta umas histórias engraçadas e toca uma ótima música.

    Pelo que vi na história de hoje, esse bardo é um belo de um cagão kkkkkk, mas também quem não seria ao cruzar com alguns dos espíritos japoneses, quem nunca andou pela rua a noite sozinho torcendo para não cruzar com a Kuchisake Onna!

    Acredito que terei que lavar os pratos de hoje para pagar meus serviços, porque ou perdi minha sacola de ouro pelo caminho, ou um de seus goblins me roubaram e eu nem vi.

    Sensacional o cast sobre espíritos e me arrepiei quando o Taka contou a história da ex-namorada dele. XP

    Abração e t+

  2. E ae evocação Taverneiro e Espectro Bardo.

    Voltando aqui (Cagado) pra deixar as minhas considerações sobre o cast:

    Então cara, como vocês tiveram coragem de falar sobre os fantasmas japoneses? Aquilo la é coisa pra desgraçar a cabeça das pessoas quiçá tão enlouquecedor como Ctulhu.
    Eu geralmente não busco nada que eu não possa bater e acredito que o Taka deve ser corajoso por procurar isso, ou muito maluco XDD
    Tenho outra indicação de jogo como relação ao Tema (provindo da mente japonesa claro XD)

    Fatal Frame: https://pt.wikipedia.org/wiki/Fatal_Frame

    Toma aqui essas moedas e uma pergunta… o escudo de cobertor ainda funciona depois de adulto? XDD

    https://osbarbados.files.wordpress.com/2011/06/tumblr_lhx6diaub81qfp6us.jpg

  3. Olá taberneiro e bardo.
    Aqui é o ladino clérigo é orador de Olidammara , traga cerveja que já que o assunto é fantasmas sou um dos melhores a dizer sobre isso , já tive a experiência dá morte mas devido a minha fé a vontade de viver é ajudar meu companheiros e meu 26 carisma natural,pude continuar como fantasma nunca me diverti tanto , como negociador dá equipe tive que usar possessões em meu companheiros para usar minha lábia ,sem contar que assustar o bárbaro ,espiar a maga elfa e servir de alvo para o ranger. Infelizmente fui ameaçado de ser excomungado ou de jogarem meu símbolo sagrado onde era minha a âncora no meio de um lago .se não tomasse jeito, no final consegui com ajuda de um necromante um corpo novo para voltar a vida. Essa é minha história e não me olhem desse jeito bebi um pouco dá conta mas não estou inventando.Bom deixo aqui alguns PO aquela bença para dar sorte nos lucros e não esqueça até os mortos se divertem.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *