BeholderCast 95 – Druidas!

Bem-vindos aventureiros, sirva-se de um bom fruto e se acomode na clareira! Epa! Nada disso galera, puxa uma cadeira e peça uma cerveja e o nosso lendário porquinho!  Biel, o Bardo e Paulo, o Taverneiro invocam um conclave para falar de Druida, a classe mais ligada a natureza e aos animais.  Aprenda e afie suas habilidades com dicas especiais de um jogador que ama essa classe.

Saiba como se portar nas grandes cidades, aprenda a criar uma verdadeira fortaleza com seus poderes  e torne-se um espião acima de qualquer suspeita.

A música no final do cast é uma paródia de Malandramente. Letra de Biel, o Bardo musicalizada pelo padrinho Carlos Martins. Ela narra as desventuras do paladino do grupo Euron, personagem do padrinho Douglas Jackson. Se você se interessou na mesa dos padrinhos ou em fazer parte do melhor grupo de padrinhos ever, acesso o Padrim da Taverna www.padrim.com.br/obeholdercego

Já jogou com druida? tem boas e más lembranças? Conte pra gente, você pode mandar sua coruja para: contato@beholdercego.com

Conheça a Printa 3d e faça seu orçamento com a #beholdercego e ganhe um descontão!

Responda nossa pesquisa e ajude a taverna: CLIQUE AQUI


A taverna ainda possui alguns números de camisetas a venda então se você usa G ou P, não perca sua chance e peça agora mesmo a sua camiseta Dwarf no Barril uma verdadeira armadura para se usar no dia – a – dia.

Essa camiseta de enorme qualidade dá ao portador +3 em carisma, vantagens no teste de blefar, atuação e intimidação. Você pode pedir agora mesmo pelo e-mail: contato@beholdercego.com – Nós enviamos para todo o Brasil.

Camiseta Dwarf no Barril

Assine nosso feed: http://podcast.beholdercego.com/feed/podcast

Não deixe de compartilhar para todos os seus amigos e jogadores. Monte sua mesa e mande fotos e contos contando um pouco da sua aventura para a taverna!

Fale com a gente pelo e-mail: contato@beholdercego.com

Nas redes sociais somos @obeholdercego no Twitter e Instagram e no Facebook participe do Grupo da Taverna.

Não esqueça de ajudar a taverna divulgando nosso podcast e avaliando positivamente na ITunes.

Seja um padrinho da taverna e nos ajude a continuar crescendo em https://www.padrim.com.br/obeholdercego

Obrigada Padrinhos!

Muito obrigada aos nossos queridos padrinhos que contribuíram e estão ajudando a Taverna a crescer!
  • Olavo Montenegro de Souza
  • Matheus Belo
  • Almir Rodrigues
  • Emilia Yamamoto
  • Amarilio
  • Thiago Gomes de Miranda
  • Alderico Dias Soares Junior
  • Giovani Vicente
  • Thalisson C. Torres
  • Marcone Ellis Brant Chamone
  • Rodrigo Ambrosio Fock
  • Wesley Lube D. Neves
  • Pedro Henrique Rosa
  • Fernando Monteiro
  • Alexandre Takaoka
  • Claudio Klein
  • Bruno Gregório
  • André Dorte dos Santos
  • Pedro Rossini
  • Yuri Travalin
  • Erik Luiz Grentesk
  • Bruno Pelisson Marques
  • Douglas Jackson Almeida Silva
  • THIAGO EMILIO MARQUES MACHADO
  • Anderson Souza
  • Andressa Busetti Martins
  • Carlos Augusto Francisco Martins
  • Luiz Felipe Braga da Silva

Se você gostou desse podcast, também vai gostar do cast de Paladinos

BeholderCast 45 – Eduardo Spohr, Entre Paladinos e Anjos

 

Já foi considerado um Elfo – Paladino, hoje está mais para Meio Elfo – Bardo. Ama gastar a sola do tênis andando com os 4 filhos caninos e se pudesse viveria ao norte do Equador.

5 Replies to “BeholderCast 95 – Druidas!”

  1. Sou Drolan, elfo aquático guerreiro começando sua aventura em mesas após muitos anos (muito por causa do Beholder Cego – em outra vida fui um caçador de recompensas zabrak. O druida não é uma classe que me chame atenção, mas sempre que penso em druidas o que me vem a mente é um exemplo incomum, o Kurama de Yu Yu Hakusho. Ele tem um tipo de “forma animal”, ele manipula plantas e afins. Não sei se ele é um druida mesmo, mas poderia ser referência para um tipo mais agressivo ou vilanesco de druida. Mais sucesso e me traga um bom rum que cerveja é bebida de pé seco hehehehe

  2. Depois de muito tempo, aquele humano aldeão volta nível cinco depois de ter ouvido todos os episódios dessa gloriosa taberna… Olá meu caro bardo e taberneiro, aqui é o Luís ex aldeão nv0, agora um monge, mas de verdade, depois de falar de forma tão apaixonada pela classe druida o taberneiro incendiou o espírito natural que há em mim e meu próximo personagem com certeza será um druida… Agradeço pelo leite de cabra com especiarias( afinal a bebida nubla meus reflexos) e pela boa música com a promessa de trazer um artefato lendário de presente assim que voltar de alguma aventura….

  3. Em sua taverna volta um draconato relativamente alto, com uma armadura leve encantada. Sua energia mágica é possível ser sentida de longe. Ele entra, pede uma bela caneca de hidromel e uma porção do famigerado porquinho. Vocês percebem que é de nível alto (por volta do 21, 11 de monge e 10 de mago elementalista).

    – Olá, Bardo e Taverneiro. Tudo bem com vocês? Druidas. Conheci vários. Até mesmo cogitei praticar o druidismo… Mas ainda não tive coragem o suficiente para viver uma vida eremita, mesclar-me a este nível com a natureza… Ainda só manipulo os elementos. Assim que eu começar a transformar-me, aí sim eu comecei a me qualificar como druida. São irmãos de magia bastante fortes!

    OFF: Já joguei bastante de Druida e é bastante interessante!

    No momento seguinte, Drakken Ryuu se levanta, após comer e beber bem, deixa 3 moedas de ouro e se despede com um aceno.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *